sábado, 17 de março de 2012

Os traços dos teus olhos...


Nas covas desnudas do teu sorriso
Comprimidos pela felicidade
Teus olhos se rendem em parte
Mostrando, timidamente, seus traços

Do alvoroço que vislumbra tal deleite
Sorri mais que o necessário
Admirado por completo do teu sorriso
E do encanto, tolo, vi-me apaixonado

Acariciei calmamente teu rosto
Perdido um pouco, pela perfeição
Nos traços amorosos dos teus olhos
Refugiei os meus cativos de afeição...

8 comentários:

  1. Que delicado *-*
    Achei tudo lindo por aqui, parabens, estou seguindo venha conhecer meu blog:
    http://fazdecontatxt.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Você faz poesia de uma forma muito peculiar... encantada pelos seus versos!!! Parabéns :)

    ResponderExcluir
  3. belo poema, lindo e leve, da aquela sensação boa, de paz.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. lindo poema, sensibilidade ímpar.

    abraço! ;)

    ResponderExcluir
  5. Que coisa maaaais linda, Hugo!
    Tô impressionada com a sensibilidade e paixão presente nesse poema seu!
    Muito lindo. Lindo mesmo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Velho, belo poema. É um daqueles que a gente só consegue ler com a alma.

    visita aí: www.palavreandome.blogspot.com

    abrço

    ResponderExcluir
  7. Caro Hugo, gosto do que você escreve sobre o amor. Agora se você quer dar um tempo nas questões do coração, comece escrevendo sobre a alma. Mas não deixe a emoção estragar tudo. Haha

    Abraço cara

    ResponderExcluir