terça-feira, 22 de maio de 2012

No interior do meu coração


Desceu um vento duma brabeza desgraçada
Lá pras banda da ladeira de São Pedro
O sino da capelinha lá na praça badalô sozin!
Até os cabrito de dona Lurde avoaram
E foram parar no pé de Algaroba da mãe do Zé
E o Zé todo afobado: “Vixe Maria, aqui tem um pé de Cabrito, mãinha!”
E os menino meteram pedra pra derrubar os danado dos cabrito maduro...
O vento ainda meteu terra nos zóio do goleiro do meu time
Que, aperriado, levou uma topada n’uma das trave.
Só vi o Damião jogando longe a danada da pedra. Oh, Damião véi doido!
Aí o jogo acabou, e fui vê minha frorzinha de algodão
Ela tava tão bunita na calçada de vó
E seu cabelo formoso avoava com o vento, a coisa mar linda
E o vento safado, ainda por cima levantô a danada da saia de minha flô
Vó na cadeira de balanço nem ligou
E eu mais os menino até achamo que era a Merili Morrou.
Na verdade néra não, quando ela me viu deu um pinote
E eu, dei uma carreira, ganhei um bejo e um abraço do meu amô!

9 comentários:

  1. Mai que coisa mai linda! Bunito, bunito! Ternurento eu diria!

    ResponderExcluir
  2. Muito legal o estilo da escrita, a narrativa dos momentos,,,dentro de um coração que pulsa cabem muitas coisas...abraços meu amigo,,,uma bela noite pra ti e obrigado pela visita ao Livro,,,volte sempre que desejar...

    ResponderExcluir
  3. Um bom dia pra ti meu amigo...abraços.

    ResponderExcluir
  4. Muito legal e engraçado. Adorei a linguagem, a brincadeira com as palavras...
    O blog está de parabéns, vou ficar por aqui seguindo.
    Tenha um dia lindo meu novo amigo!
    Até.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. O moço que dividiu comigo o poema,
    tem sim, um blog:
    aspirantesapoetasurbanos.blogspot.com.br/

    Delicie-se por lá também!

    ResponderExcluir
  6. No interior de um coração cabe tantas palavras. Adorei imenso seu poema. Adorei o blog e vou estar seguindo pra voltar .
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Posso definir em uma palavra? Esplêndido..ah uma só não,lá vai outra criativo...amei todo o contexto...parabéns pelo lindo blog tbm...bj

    ResponderExcluir
  8. Com muito carinho venho desejar um feliz final de semana
    a algum tempo estou sem conseguir visitar os blogs que sigo.
    Estou tentando colocar em ordem mesmo sabendo que sera uma tarefa árdua.
    Uma feliz semana beijos no coração.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  9. Meu Deus, que fofura de poema, que arte! Maravilhoso, Hugo, e totalmente inspirador pra uma época dessas, perto de junho, São João... Ah, deu vontade de pedir pro tempo voar e chegar logo o dia de viajar pro interior, rsrsrs.
    Lindo demais, perfeito, digno de ser publicado em vários lugares para que as pessoas apreciem, sério.
    Você cada vez mais inspirado e arrasando com os posts, né? Isso é ótimo, super parabéns!
    Ps: andei sumida mesmo, uma loucura isso. Mas é aquela história, falta de tempo e inspiração que pula a janela, hahaha! Mas tô de volta agora! :) E obrigada pelo carinho de sempre, viu? Fico feliz que goste tanto do meu blog da mesma forma que sou super fã do seu, amigo blogueiro querido!
    Beijos e sucesso sempre!

    ResponderExcluir